Caminhos para começar um novo negócio

por Thayza Melo

Captura de Tela 2013-10-25 às 16.58.46

Quando queremos ter um negócio próprio e a grana é limitada, mais complicado que tomar a decisão de largar o que nos sustenta hoje é não ter a certeza que em um futuro próximo esse novo negócio seja de verdade algo que nos sustente.

Para começar algo novo, você precisa ter as suas contas mensais mínimas garantidas, por que não existe nada pior para tirar o foco que as contas vencendo no final do mês e você sem grana para pagar.

E um pequeno empreendedor sem foco e que a única motivação seja conseguir dinheiro é como um barco sem leme.

Alguns caminhos para começar um novo negócio:

  • Você tem  uma grana guardada que te permita viver os primeiros meses.
  • Você tem alguém que te dá suporte, pode ser pai, mãe ou marido.
  • Você pode ainda pedir financiamento ao banco ou um investidor anjo, ainda que essas opções são mais trabalhosas e exigem um estudo detalhado e a elaboração de um plano de negócio.

Hoje vamos falar um pouco sobre como a maioria dos pequenos empreendedores começam o seu negócio.

Você que faz almofadas tão lindas que  sempre recebe encomendas das pessoas conhecidas ou você que tem o dom para fazer bijoux e sempre lança moda com as suas amigas ou você que faz aquele docinho delicia que todo mundo adora quando vai na sua casa.

Eu chamo de método PAP – Pouco a Pouco.  Antes de abrir a Santa Mistura lá na Espanha foi assim que consegui ter certeza que estava no caminho certo.

1. Foque o seu produto: Foque no seu produto e na satisfação que você sente quando esta trabalhando nisso. Defina o seu produto.

2. Estude os custos: Faça uma lista dos custos dos produtos e gastos fixos que você pode ter, ainda que seja trabalhando em casa. Ingredientes, forminhas, peças de montagem, custos de telefone, envíos, compras.

3. Defina uma meta de venda: É muito difícil fazer isso a primeira vez, por que você não tem idéia de nada no começo, mas isso é muito necessário. Comece do começo de verdade, de repente para ser realista você precisa começar a meta com 100 reais mensais? Não tem problema, você ainda esta testando o seu negócio.

4. Planeje ações comerciais e de marketing: Visitar lojinhas do posto de gasolina ou padarias para oferecer os doces ou fazer reuniões com amigas para mostrar as novidades de bijoux.

4. Siga planejando: Quando atingir a primeira meta, fixe outra um pouco maior e corra atrás. Você vai ver que a cada mês será mais fácil planejar e atingir, por que você começa ter experiência de mercado e conhecer o setor que esta atuando.

Eu fiz isso durante oito meses até que eu não aguentava mais trabalhar sozinha e já era necesário abrir a empresa. Já tinha uma quantidade de clientes fixos que mantinham o negócio e podia arriscar o grande passo que era trabalhar com o que eu gostava.

É uma fase cheia de aventuras e com muito trabalho, por que você tem fazer tudo sozinha, você é tudo da empresa, e se você não trabalha um dia, tudo fica parado esperando. Mas é um método que funciona quando a grana é curta e você não pode arriscar tudo de uma vez. Dessa forma você corre riscos calculados e vai pouco a pouco definindo o caminho que quer seguir.

A formação nesse período é muito importante também, busque ajuda, faça contatos, estude, planeje, faça uma boa gestão do seu tempo e corra atrás do que você quer. Você também pode usar o método PAP para ir escrevendo o plano de negócio que é uma ferramenta importante para conhecer os detalhes do seu projeto.

E você? Está querendo começar o seu negócio e não sabe por onde? Conte a sua história e de como você começou ou quer começar o seu sonho!

About The Author

Thayza Melo

Analista de Negócios e Designer por formação, empreendedora por inspiração. Gosta de aprender tudo o que pode, sempre esta atrás de algo novo. Viveu na Espanha por 5 anos e lá fundou a empresa Santa Mistura . Voltando para o Brasil, descobriu outra forma de aproximar o designer das pessoas e fundou a Happy Things , empresa criativa e feliz, que transforma a papelaria em algo mais bonito e divertido.

  • Realmente é um grande desafio. Eu tenho um sonho guardado no coração que é ter uma loja de produtos naturais ou uma livraria evangélica. São 2 empreendimentos guardados para um futuro que espero que seja breve. Mas aprendi que enquanto não chega o tempo de realizar esse sonho é possível a gente aprender a sonhar outras coisas. Estou aprendendo a montar uma estrutura de trabalho em casa e me sinto realizada com o tanto de coisas que tenho aprendido.
    Obrigada pelas dicas!! Vou guardar para quando chegar o tempo do meu sonho!

    Abraços, Nilza Lara

    • Oi Nilza! O segredo é não deixar aquela vontade de fazer as coisas apagar! Mantenha o foco e o tempo chega com certeza.
      Se precisar de ajuda é só falar. Um beijo. Thayza

  • Keyla

    Grana zero é a minha atual situação. Mas não definitiva. Aprendi a pensar assim depois que encarei o fato de que não dá para contratar agora um coach, fazer cursos online bacanudos sobre empreendedorismo criativo, corte e costura, patch, e comprar algum material para fazer as peças. Agora não dá. Mas também não posso me deixar levar pela frustração. Percebi recentemente que o melhor é ter calma e olhar para frente com otimismo. É mais prudente trabalhar com o que eu tenho, aproveitar ao máximo os textos que encontro na internet, ler a experiência de outras pessoas, participar de grupos como o Empreende Terapia. Preciso me instrumentalizar, mas dentro das minhas atuais condições. Vou preparar um plano de negócios simples, encarar o processo, o tempo. E estabelecer metas. Confiante que não vou desistir. O texto é ótimo. PAP… é isso!

    • Oi Keyla. Obrigada pelo bonito comentário. Sabe, é assim mesmo. Antes de montar a minha primeira empresa, esperei por 5 anos. Nesse tempo eu busquei formação dentro das minhas possibilidades e estudei muito. Continue, use o que você tem e vá em frente. Feliz semana e um beijo.
      Thayza

  • Uma amiga me enviou esse texto e eu simplesmente amei.
    Estou vivendo exatamente este momento na minha vida. Deixei meu emprego de 6 anos e meio (concurso público) para me dedicar ao q gosto, com o apoio e suporte do Marido e dos meus pais.
    E estou tentando seguir um pequeno planejamento, afinal as aulas de administração tinham que servir para alguma coisa, né? rsrsrsrs
    Já são dois meses dessa “nova vida” e graças a Deus não me arrependi nem um minutinho.
    Beijos e sucesso para nós!!

    • Oi Nel! É uma etapa cheia de coisas novas e de adaptações. Dias bons e outros nem tanto, mas tem que seguir o caminho se é isso que te faz feliz. Qual o seu negócio? beijos
      Thayza

  • Carina

    Ahh pois é… eu tenho esse super sonho tbm… de ter meu ateliê especializado em noivas e moda festa. Amo moda e venho aprendendo muito, mas é td tão difícil. Espero que num futuro próximo possa voltar aqui dizendo que meu ateliê vai de vento em popa =]

    • Oi Carina, o primeiro é acreditar na sua idéia. Começar do começo e seguir é importante. Mas prepare-se um pouco primeiro. Leia muito, aprenda sobre o seu setor e quando se sentir preparada, Voe!
      um beijo. Thayza

  • Pingback: 5 conselhos para começar a sua mini empresa em casa! -()

  • Pingback: Como expor o próprio sucesso sem se sentir uma fraude? ‹Negócio de Mulher()