3 Desafios da mulher empreendedora

por Jéssica Elaina

Foi-se o tempo em que somente os homens podiam ter seu próprio negócio. Hoje em dia, a porcentagem de mulheres que administra sozinha um lar é de 35%, enquanto que nos outros 65% colabora ativamente na maior parte deles aqui no país.

Dados do Sebrae mostram que a cada 100 Micro Empreendedores Individuais, 45 são do sexo feminino, sendo que de oito milhões de empreendedoras que existem no país, 53,2% são do Sudeste, 19,5% do Sul, 15,9% do Nordeste, 7,1% do Centro-Oeste e 45 do Norte (de acordo com a Serasa Experian).

Mas como a mulher consegue empreender em meio a tantos papéis que tem desenvolver?

O desafio empreendedor das mulheres

Enquanto para os homens basta apenas ter um bom perfil empreendedor, para as mulheres há muitos desafios que devem ser levados em conta. Elas precisam administrar as funções de cuidar da casa, dos filhos, do marido e ainda achar tempo para gerir um negócio da melhor forma. E se antes havia preconceito ao acharem que o sexo feminino era frágil e não dava conta disso, hoje em dia as mulheres mostram que são tão boas (ou até mais) do que os homens.

Diante de tudo isso, os seus maiores desafios são:

Encontrar uma paixão e torná-la lucrativa

Buscar algo que realmente tenha a ver com o que gosta, pois as mulheres trabalham com paixão e precisam se identificar muito mais com o que fazem do que os homens.

Muitas vezes, elas até acham o que querem fazer, mas não possuem recursos suficientes. Neste caso, vale a pena arriscar um pouco e avaliar as questões de empréstimos para empresas, que podem abrir caminhos para um ótimo empreendimento.

Lógico que tudo deve ser feito com cautela e uma detalhada análise financeira para ver se a paixão realmente pode se tornar um negócio rentável.

Delegar tarefas e não abraçar o mundo

Saber delegar é outro grande desafio, já que nós, mulheres, queremos fazer tudo porque sabemos que temos este dom. Porém, no mundo dos negócios isso é diferente, e saber delegar deve estar em sua lista de aprendizado.

Saiba que você não pode querer fazer tudo em casa e na empresa não é diferente. Pedir para que alguém faça não significa que não é capaz de fazer, apenas que sabe que deve ter outras prioridades e que existem outras pessoas que trabalham com você capazes de fazer isso para que você tenha tempo de focar em outras coisas também.

Não ter foco

A falta de foco muitas vezes atrapalha também, pois cuidar de casa, filhos, marido e emprego pode deixar “tudo junto e misturado”. É por isso que é preciso separar as finanças pessoais das finanças da empresa, em primeiro lugar, e saber determinar horários para fazer cada tipo de atividade, pois senão nada vai para frente.

Para quem trabalha em casa o desafio é ainda maior, então ter um cantinho só para o trabalho e dividir o tempo em que será mãe, dona de casa, esposa e empreendedora é o segredo para o seu sucesso.

Enfim, desafios sempre vão existir para as mulheres que querem empreender, mas se antes isso parecia impossível, hoje há exemplos de grandes mulheres que arriscaram e contornaram os desafios para se tornarem ótimas empreendedoras. Está esperando o que para fazer a mesma coisa?

Por – Jeniffer Elaina –  Editora freelancer, tendo mais de cinco anos de experiência em escrita e revisão de artigos para web. É formada em Marketing com pós-graduação em Administração de Empresas na FGV. Sua maior paixão é poder compartilhar conhecimentos e aprender um pouco mais a cada dia.

About The Author

Negócio de Mulher

Negócio de Mulher nasceu de um sonho: inspirar e ajudar outras mulheres empreendedoras. Quem escreve por aqui são as sócias: Karine Drumond e Priscila Valentino com colaboração de outras mulheres que compartilham dos mesmos propósitos.